Em defesa da escola sem censura

PSOL se reúne com presidente do STF

A bancada do PSOL na Câmara se reuniu nesta terça-feira (27) com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, para tratar do Escola Sem Partido. Estavam presentes a deputada Luiza Erundina (SP) e os deputados Chico Alencar (RJ), Glauber Braga (RJ) e Ivan Valente (SP).

O PSOL requereu a votação urgente da ADI 5874, pela improcedência do projeto de lei, aprovado na Assembleia Legislativa de Alagoas, e semelhante ao PL 7180/2104 "Escola sem Partido" que tramita na Câmara. Dias Toffoli afirmou que a Ação está incluída na pauta, logo após o exame do indulto natalino, e será colocada em discussão se houver conformidade de todos os membros da Corte.

A bancada do PSOL vai procurar os demais ministros do STF para que a apreciação da ADI seja concluída com celeridade. “Solicitamos que seja votada o quanto antes, ainda em 2018, para que não iniciemos o próximo ano letivo com insegurança e risco de censura em salas de aula, limitando a liberdade de cátedra”, afirma o líder Chico Alencar.

ImprimirEmail