CPI de Barcarena consegue assinaturas e avança na Câmara dos Deputados

Requerimento com mais de 230 assinaturas de parlamentares foi protocolado nesta segunda (26). Comissão é instalada após aval de Rodrigo Maia.

Edmilson Rodrigues (PSOL-PA) entregou, nesta segunda-feira (26), ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, o pedido de instauração da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que vai investigar os vazamentos de rejeitos de mineração na cidade de Barcarena, no Pará.

O requerimento é uma iniciativa da Comissão Externa da casa que está acompanhando o caso desde meados de fevereiro, coordenada por Edmilson e integrada também pela deputada Elcione Barbalho (PMDB) e os deputados Arnaldo Jordy (PPS), Delegado Éder Mauro (PSD) e Zé Geraldo (PT). Edmilson liderou a mobilização em prol da CPI. Para que uma comissão de inquérito seja instalada, são necessárias 171 signatários. Para a CPI de Barcarena, foram angariados mais de 230 apoios.

“Precisamos criar um modelo definitivo e eficiente para que as empresas mineradoras que atuam na região prossigam suas atividades sem causar mais danos tão graves ao povo e à natureza de Barcarena. Além disso, as empresas que já causaram vazamentos químicos precisam atuar na redução dos danos ambientais que provocaram e na assistência à saúde das pessoas atingidas. Nesse sentido, a CPI é um instrumento muito importante, tanto para esclarecer os fatos e ajudar nas investigações, quanto para cobrar que os responsáveis arquem com as providências necessárias”, argumentou o psolista.

 

Mandato Edmilson Rodrigues

Foto Capa: Semas/Pará

Foto 2: Bruna Menezes /PSOL na Câmara

Da esquerda para a direita, deputado Arnaldo Jordy, servidora da CD e deputado Edmilson Rodrigues.

ImprimirEmail