Bancada do PSOL condena continuidade do bloqueio a Cuba

Brasília – Brasil, 24 de outubro de 2018
 
No próximo dia 31 de outubro, a Assembleia Geral da ONU (Organizações da Nações Unidas) vai se reunir na cidade de Nova Iorque para discutir o embargo que atinge a população cubana há mais de 50 anos.
O embargo dos Estados Unidos em relação a Cuba consiste em uma interdição de caráter econômico, financeiro e comercial imposta pelos EUA ao governo cubano desde o ano de 1962. Posteriormente, o bloqueio tornou-se lei no começo dos anos 90.
A necessidade do término ao bloqueio econômico, comercial e financeiro contra Cuba trata de restabelecer o direito ao povo cubano das garantias comerciais das relações entre os países.
Por isso, a ONU deve decidir pela "finalização do embargo financeiro, comercial e econômico dos EUA em relação a Cuba da forma mais rápida possível". 
A bancada do PSOL - Partido Socialismo e Liberdade condena a continuidade bloqueio, que se estende por mais de 50 anos, considerado um dos mais longos do mundo contemporâneo.
 
Deputado Federal Chico Alencar – Líder da Bancada
Deputado Federal Edmilson Rodrigues
Deputado Federal Glauber Braga
Deputado Federal Ivan Valente 
Deputado Federal Jean Wyllys 
Deputada Federal Luiza Erundina

ImprimirEmail